quarta-feira, 20 de abril de 2011

Músicos da OSB vão abrir festa do trabalhador no Complexo do Alemão

Plantão | Publicada em 20/04/2011 às 12h55m

O Globo - Rio - Ronaldo Braga

Rio - A Festa de 1º de Maio dos Trabalhadores, que será realizada no Campo do Ordem, no Complexo do Alemão, na Vila Cruzeiro, será aberta com a execução do hino nacional, pelos músicos da Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB). Eles também irão presentear o público com trechos de músicas clássicas e regionais. Segundo Francisco Dal Prá, presidente do comitê organizador, essa é a primeira vez que a festa será organizada pelas centrais sindicais Força Sindical, Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST), União Geral dos Trabalhadores (UGT), Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) e Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB).

- A festa começa às 10h com um ato ecumênico realizado por representantes das religiões católica, evangélica e afro-brasileira. Vale lembrar também que vários prêmios serão sorteados, e as primeiras 30 mil pessoas que chegarem ao local do evento, receberão o cupom para concorrer - explicou.
Ele disse ainda que, em seguida, um show gospel com a cantora Léa Mendonça e os grupos Bala de Coco e Bom Gosto, vai animar os milhares de trabalhadores que estão sendo esperados pela organização. Para encerrar, muito samba com o cantor e compositor Arlindo Cruz. Dal Prá lembra ainda que, independente de ser uma data festiva e de confraternização, ela serve também para reafirmar a necessidade de melhorar as condições de trabalho dos profissionais que atuam no estado do Rio de Janeiro, como por exemplo, o aperfeiçoamento da mão-de-obra, a redução da jornada de trabalho, o fim do fator previdenciário, reajuste para os aposentados e uma melhoria dos serviços públicos de saúde e educação.

- É isso que queremos para o futuro - disse o presidente do comitê organizador.
Outra novidade é que todas as pessoas que irão trabalhar no dia evento, como recepcionistas e na montagem e desmontagem da infra-estrutura, são moradores da comunidade Complexo do Alemão, que foram contratados pela associação de moradores a pedido da organização do evento.